sábado, 29 de setembro de 2007

Exemplo de...?


"Se Renan pode, nós também podemos"

Esta foto foi publicada na edição de sexta-feira (28-set-2007), na coluna do jornalista "Ancelmo Gois", do jornal "O Globo".

Num país com muitas leis e poucas penas, muita falação e pouca ação, muita política e pouquíssimo respeito à população, o sentimento que impera, parece ser mesmo o de que "se ele pode, eu também". E se pararmos para pensar, já estamos vivendo um momento assim.

Praticamente toda semana um novo escândalo, um novo (ou não tão novo assim) político corrupto, um funcionário público, policial, juiz etc com as mãos sujas, mas com a
"cara mais lavada" do mundo dizendo ser inocente.

O pior não é saber que há mais um escândalo, é ter certeza de que haverá mais um, cedo ou tarde. E que mais uma vez, a população vai se indignar.

Mas tem um ponto que gostaria de deixar para reflexão:
Será que diante de uma vantagem, não iríamos de encontro? Será que não nos corrompemos quando aceitamos favores políticos (rua asfaltada, emprego, vaga em hospital etc.) ou corrompemos alguém, dando "um jeitinho"?

Talvez precisamos adotar a "tolerância zero".

Nenhum comentário: