segunda-feira, 28 de julho de 2008

Experiência


Num processo de seleção da Volkswagen, os candidatos deveriam responder a seguinte pergunta:

"Você tem experiência?"

A redação abaixo foi desenvolvida por um dos candidatos. Ele foi aprovado e seu texto está fazendo sucesso, e ele com certeza será sempre lembrado por sua criatividade, sua poesia, e acima de tudo por sua alma.

REDAÇÃO VENCEDORA:

Já fiz cosquinha na minha irmã só pra ela parar de chorar, já me queimei brincando com vela. Eu já fiz bola de chiclete e melequei todo o rosto, já conversei com o espelho, e até já brinquei de ser bruxo. Já quis ser astronauta, violonista, mágico, caçador e trapezista.

Já me escondi atrás da cortina e esqueci os pés pra fora. Já passei trote por telefone. Já tomei banho de chuva e acabei me viciando.

Já roubei beijo. Já confundi sentimentos. Peguei atalho errado e continuo andando pelo desconhecido. Já raspei o fundo da panela de arroz carreteiro, já me cortei fazendo a barba apressado, já chorei ouvindo música no ônibus.

Já tentei esquecer algumas pessoas, mas descobri que essas são as mais difíceis de se esquecer. Já subi escondido no telhado pra tentar pegar estrelas, já subi em árvore pra roubar fruta, já caí da escada de bunda.

Já fiz juras eternas, já escrevi no muro da escola, já chorei sentado no chão do banheiro, já fugi de casa pra sempre, e voltei no outro instante. Já corri pra não deixar alguém chorando, já fiquei sozinho no meio de mil pessoas sentindo falta de uma só.

Já vi pôr-do-sol cor-de-rosa e alaranjado, já me joguei na piscina sem vontade de voltar, já bebi uísque até sentir dormentes os meus lábios, já olhei a cidade de cima e mesmo assim não encontrei meu lugar.

Já senti medo do escuro, já tremi de nervoso, já quase morri de amor, mas renasci novamente pra ver o sorriso de alguém especial. Já acordei no meio da noite e fiquei com medo de levantar. Já apostei em correr descalço na rua, já gritei de felicidade, já roubei rosas num enorme jardim. Já me apaixonei e achei que era para sempre, mas sempre era um "para sempre" pela metade.

Já deitei na grama de madrugada e vi a Lua virar Sol, já chorei por ver amigos partindo, mas descobri que logo chegam novos, e a vida é mesmo um ir e vir sem razão.

Foram tantas coisas feitas, momentos fotografados pelas lentes da emoção, guardados num baú, chamado coração. E agora um formulário me interroga, me encosta na parede e grita: "Qual sua experiência?".

Essa pergunta ecoa no meu cérebro: experiência... experiência.

Será que ser "plantador de sorrisos" é uma boa experiência? Não! Talvez eles não saibam ainda colher sonhos! Agora gostaria de indagar uma pequena coisa para quem formulou esta pergunta:

"Experiência? Quem a tem, se a todo momento tudo se renova?"

Marcelo

domingo, 27 de julho de 2008

Tire suas próprias conclusões!


Será verdade?
É possível um corpo desses e ainda beber "
coca-cola diet"???

Mitos Alimentares


Quantas vezes me deparo com perguntas do tipo "Comer depois de 20h causa ganho de peso??" e ainda ouço para fechar a pergunta "Eu juro que engorda, todo mundo diz que engorda!". Incrível como uma mentira possa ganhar tanto "poder". Antes de continuar, vamos à definição de "mito" de acordo com o dicionário Aurélio: Mito: 1. narrativa de significação simbólica, e que encerra uma verdade cuja memória se perdeu no tempo. 2. pessoa, fato ou coisa real valorizados pela imaginação popular, pela tradição, etc. 3. coisa ou pessoa fictícia, irreal; fábula.
Diante desta definição, vamos falar de alguns mitos, começando pelo já citado:
Comer após as 20h engorda.
Bem, não importa a hora que você coma, o que importa é a quantidade que você ingere, total, de calorias ao longo de um dia e o quanto você consome. É conta simples: se você gasta ao longo de um dia uma quantidade X de calorias e consome X, você não ganha, mas também não perde peso, mas se você ingerir uma quantidade 20% menor de calorias em suas refeições, você perderá peso. Ou, se você manter a ingestão de calorias em X, mas aumentar o gasto de energia ao longo do dia em 20%, você também perderá peso, independente do horário que venha a fazer a refeição. Ou seja, não é o horário que engorda, se fosse assim, as pessoas que trocam o dia pela noite iriam ser obesos de carteirinha, não acha?
Produtos Naturais para emagrecer são seguros e efetivos.
Bem, vou usar uma comparação bem simples e "pesada". Maconha é natural, e faz bem? Você pode até dizer que para certos tratamentos é, mas sinceramente, sabemos que não. Quer outro exemplo? Algumas pessoas são alérgicas a plantas, flores, ervas etc... e todas elas são naturais, não são? Então porque fazem mal? Produtos naturais não são 100% seguros, muito menos 100% efetivos. O desempenho, os resultados esperados ao se usar um produto natural vai variar de pessoa a pessoa, pois somos organismos independentes, fisiologicamente falando, e isso nos dá características próprias, assim como existem pessoas que possuem metabolismo acelerado e tem dificuldade em ganhar peso e outras que possuem metabolismo mais lento e acabam ganhando peso com facilidade.
Rótulos que dizem "Sem Gordura" significam sem calorias.
Meu DEUS, não pense isso jamais! Se fosse assim, açúcar não engordava, não é?
Não é porque um alimento é sem gordura que ele não possua calorias. Carboidratos (açúcares) e proteínas também tem calorias, mas em menor quantidade.
Peixe não tem gordura e não tem colesterol.
Os peixes também tem gordura, mas não se desespere, a quantidade de gordura e colesterol presente nos peixes é bem menor que nas carnes vermelha e de frango. E o pescado tem uma gordura "boa", os "ômegas" 3 e 6, que são importantes combatentes do colesterol no corpo.

Hoje fico por aqui...em breve acrescento mais alguns mitos à sua lista.
Se tiver algum e queira saber se é mito ou verdade, escreva, deixe seu recado.
Um grande abraço!

domingo, 20 de julho de 2008

Tirinha do Dia!

Slow Down


Texto escrito por um brasileiro que vive na Europa:

"Já vai para 16 anos que estou aqui na Volvo, uma empresa sueca. Trabalhar com eles é uma convivência, no mínimo, interessante. Qualquer projeto aqui demora 2 anos para se concretizar, mesmo que a idéia seja brilhante e simples. É regra.

Então, nos processos globais, nós (brasileiros, americanos, australianos, asiáticos) ficamos aflitos por resultados imediatos, uma ansiedade generalizada. Porém, nosso senso de urgência não surte qualquer efeito neste prazo.

Os suecos discutem, discutem, fazem "n" reuniões, ponderações. E trabalham num esquema bem mais "slow down". O pior é constatar que, no final, acaba sempre dando certo no tempo deles com a maturidade da tecnologia e da necessidade: bem pouco se perde aqui.

E vejo assim:

1. O país é do tamanho de São Paulo;

2. O país tem 2 milhões de habitantes;

3. Sua maior cidade, Estocolmo, tem 500.000 habitantes (compare com Curitiba, que tem 2 milhões);

4. Empresas de capital sueco: Volvo, Scania, Ericsson, Electrolux, ABB, Nokia, Nobel Biocare... Nada mal, não?

5. Para ter uma idéia, a Volvo fabrica os motores propulsores para os foguetes da NASA.

Digo para os demais nestes nossos grupos globais: os suecos podem estar errados, mas são eles que pagam muitos dos nossos salários.

Entretanto, vale salientar que não conheço um povo, como povo mesmo, que tenha mais cultura coletiva do que eles.

Vou contar para vocês uma breve só para dar noção.

A primeira vez que fui para lá, em 90, um dos colegas suecos me pegava no hotel toda manhã. Era setembro, frio, nevasca.. Chegávamos cedo na Volvo e ele estacionava o carro bem longe da porta de entrada (são 2.000 funcionários de carro). No primeiro dia não disse nada, no segundo, no terceiro... Depois, com um pouco mais de intimidade, numa manhã, perguntei: "Você tem lugar demarcado para estacionar aqui? Notei que chegamos cedo, o estacionamento vazio e você deixa o carro lá no final." Ele me respondeu simples assim: "É que chegamos cedo, então temos tempo de caminhar – quem chegar mais tarde já vai estar atrasado, melhor que fique mais perto da porta. Você não acha?" Olha a minha cara! Ainda bem que tive esta na primeira. Deu para rever bastante os meus conceitos.

Há um grande movimento na Europa hoje, chamado Slow Food. A Slow Food International Association - cujo símbolo é um caracol, tem sua base na Itália (o site SLOW FOOD , é muito interessante. Veja-o!). O que o movimento Slow Food prega é que as pessoas devem comer e beber devagar, saboreando os alimentos, "curtindo" seu preparo, no convívio com a família, com amigos, sem pressa e com qualidade.

A idéia é a de se contrapor ao espírito do Fast Food e o que ele representa como estilo de vida em que o americano endeusificou.

A surpresa, porém, é que esse movimento do Slow Food está servindo de base para um movimento mais amplo chamado Slow Europe como salientou a revista Business Week numa edição européia.

A base de tudo está no questionamento da "pressa" e da "loucura" gerada pela globalização, pelo apelo à "quantidade do ter" em contraposição à qualidade de vida ou à "qualidade do ser". Segundo a Business Week, os trabalhadores franceses, embora trabalhem menos horas (35 horas por semana) são mais produtivos que seus colegas americanos ou ingleses. E os alemães, que em muitas empresas instituíram uma semana de 28,8 horas de trabalho, viram sua produtividade crescer nada menos que 20%.

Essa chamada "slow atitude" está chamando a atenção até dos americanos, apologistas do "Fast" (rápido) e do "Do it now" (faça já). Portanto, essa "atitude sem-pressa" não significa fazer menos, nem ter menor produtividade.

Significa, sim, fazer as coisas e trabalhar com mais "qualidade" e "produtividade" com maior perfeição, atenção aos detalhes e com menos "stress". Significa retomar os valores da família, dos amigos, do tempo livre, do lazer, das pequenas comunidades, do "local", presente e concreto em contraposição ao "global" - indefinido e anônimo. Significa a retomada dos valores essenciais do ser humano, dos pequenos prazeres do cotidiano, da simplicidade de viver e conviver e até da religião e da fé. Significa um ambiente de trabalho menos coercitivo, mais alegre, mais "leve" e, portanto, mais produtivo onde seres humanos, felizes, fazem com prazer, o que sabem fazer de melhor.

Gostaria de que você pensasse um pouco sobre isso...

Será que os velhos ditados "Devagar se vai ao longe" ou ainda "A pressa é inimiga da perfeição" não merecem novamente nossa atenção nestes tempos de desenfreada loucura?

Será que nossas empresas não deveriam também pensar em programas sérios de "qualidade sem-pressa" até para aumentar a produtividade e qualidade de nossos produtos e serviços sem a necessária perda da "qualidade do ser"?

No filme "Perfume de Mulher", há uma cena inesquecível, em que um personagem cego, vivido por Al Pacino, tira uma moça para dançar e ela responde: "Não posso, porque meu noivo vai chegar em poucos minutos." --"Mas em um momento se vive uma vida" - responde ele, conduzindo-a num passo de tango. E esta pequena cena é o momento mais bonito do filme.

Algumas pessoas vivem correndo atrás do tempo, mas parece que só alcançam quando morrem enfartados, ou algo assim.. Para outros, o tempo demora a passar; ficam ansiosos com o futuro e se esquecem de viver o presente, que é o único tempo que existe.

Tempo todo mundo tem, por igual!Ninguém tem mais nem menos que 24 horas por dia. A diferença é o que cada um faz do seu tempo. Precisamos saber aproveitar cada momento, porque, como disse John Lennon: "A vida é aquilo que acontece enquanto fazemos planos para o futuro"...

Parabéns por ter lido até o final!

Muitos não lerão esta mensagem até o final, porque não podem "perder" o seu tempo neste mundo globalizado. Pense e reflita, até que ponto vale a pena deixar de curtir sua família. De ficar com a pessoa amada, ir pescar no fim de semana ou outras coisas... Poderá ser tarde demais! Saber aprender para sobreviver... Repasse aos seus amigos, se tiver tempo.

Infarto Agudo do Miocárdio


É uma doença grave que ocorre quando há interrupção da circulação do sangue que irriga o múculo cardíaco (miocárdio). Esta interrupção ocorre quando há obstrução da circulação do sangue em uma artéria coronária em consequência da ruptura de uma placa de aterosclerose. Devido a uma série de fatores que podem ser evitados ou controlados, tais como a pressão alta, o colesterol elevado, o diabetes, o tabagismo, o sedentarismo e a obesidade, ocorre a formação de placas de aterosclerose na parede das artérias que, ao se romperem, causam a interrupção da circulação sangüínea nas artérias coronárias, levando ao infarto.

Uma boa alimentação (mais uma vez) e a prática regular de exercícios são fatores fundamentais para redução dos riscos.

E aqui faço um comentário/desabafo:
Me arrisco hoje a dizer que os principais problemas de saúde que tomam conta da população mundial (não digo nem nacional) são doenças evitáveis apenas com a adoção de bons hábitos alimentares e de atividades físicas em, praticamente, 99% dos casos.
Quando os médicos irão se conscientizar que é melhor tratar o problema na raiz do que fazer seus pacientes gastarem o que muitas vezes não têem em medicamentos (leia-se: drogas).
Quando os governos irão se voltar ao atendimento de base, aos programas de prevenção ao invés de gastarem rios de dinheiro com os tratamentos?
Quando você irá mudar seu estilo de vida?
Mente sã...em corpo são...
Corpo sadio... vida saudável... mais disposição, mais rendimento no trabalho, nos estudos, mais alegria para viver!

Reflita!

Abdominais


Bem, lendo o jornal "O Globo" deste domingo, achei uma matéria bem interessante para quem esta insatisfeito com seu abdomen, ou seja, não suporta mais olhar para sua "barriga" e se perguntar "O que eu posso fazer para desalojar esta geléia?" Bem, clique aqui e saiba mais.

sábado, 19 de julho de 2008

Tirinha do Dia!

Alguns Motivos Pelos Quais os Homens Gostam das Mulheres


Elas sempre cheiram bem, mesmo apenas usando shampoo

A maneira que as cabeças delas sempre encontram nosso ombro

A linda aparência delas quando estão dormindo

A facilidade que elas têm para se encaixar em nossos braços

O jeito que elas têm de te beijar e você sentir que tudo está correndo bem no mundo inteiro

O maneira sublime que elas têm ao comer

A maneira que elas usam para levar horas se arrumando, mas no fim todo esse tempo valeu a pena

Porque elas estão sempre felizes quando alguma coisa está errada

O jeito que elas têm de parecerem lindas não importa o que estão vestindo

O jeito delas serem modestas aos elogios dos outros mesmo quando elas são a coisa mais linda da Terra

O lindo jeito delas quando ficam bravas

A maneira que a mão dela sempre encontra a sua

O jeito que elas sorriem

Como você se sente quando lê o nome dela no bina do telefone depois de uma grande briga

A maneira que ela diz "não vamos mais brigar" mesmo que depois de uma hora...

O jeito que elas beijam quando você faz algo de bom pra elas

O jeito que elas te beijam quando você diz "eu te amo"

Atualmente... só o jeito que elas te beijam...

O jeito que elas caem nos seus braços quando elas choram

E quando elas pedem desculpa por terem molhado sua roupa

O jeito que elas te batem e esperam que isso machuque

E quando elas pedem desculpa quando isso machuca (mesmo que não admitimos isso!)

O jeito que elas dizem "sinto sua falta"

O jeito que você sente a falta delas

O jeito que as lágrimas delas te fazem querer mudar o mundo. Assim elas não se sentem mais machucadas, sem se importarem se você as ama ou as odeia, se você deseja que elas morram ou sabe que morreria sem elas... isso não importa. Porque uma vez na vida, não importa o que elas foram para as outras pessoas, elas se tornam TUDO pra você.

Quando você as olha nos olhos, viajando nas profundezas da alma delas e você diz um milhão de coisas sem sentido, você sabe que sua própria é inevitável sem o ritmo das batidas do coração dela.

Nós as amamos por um milhão de motivos. Nenhum papel poderia explicar isso. Isso não é algo da mente, mas do coração.

Um sentimento.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Você É o Carpinteiro


Um velho carpinteiro estava pronto para se aposentar. Ele informou ao chefe o seu desejo de sair da indústria de construção e passar mais tempo com sua família. Ele ainda disse que sentiria falta do salário, mas realmente queria se aposentar.

A empresa não seria muito afetada pela saída do carpinteiro, mas o chefe estava triste em ver um bom funcionário partindo, e ele pediu ao carpinteiro para trabalhar em mais um projeto como um favor.

O carpinteiro concordou, mas era fácil ver que ele não estava entusiasmado com a idéia. Ele prosseguiu fazendo um trabalho de segunda qualidade e usando materiais inadequados. Foi uma maneira negativa dele terminar sua carreira.

Quando o carpinteiro acabou, o chefe veio fazer a inspeção da casa. E depois ele deu a chave da casa para o carpinteiro e disse: “Essa é a sua casa. Ela é o meu presente para você”. O carpinteiro ficou muito surpreso. Que pena! Se ele soubesse que ele estava construindo sua própria casa, ele teria feito tudo diferente.

O mesmo acontece conosco. Nós construímos nossa vida, um dia de cada vez e muitas vezes fazendo menos que o melhor possível na construção. Depois, com surpresa, nós descobrimos que precisamos viver na casa que nós construímos. Se pudéssemos fazer tudo de novo, faríamos tudo diferente.

Mas não podemos voltar atrás. Você é o carpinteiro. Todo dia você martela pregos, ajusta tábuas e constrói paredes. Alguém já disse que “a vida é um projeto que você mesmo constrói”.

Suas atitudes e escolhas de hoje estão construindo a “casa” que você vai morar amanhã. Construa-a com sabedoria!

sábado, 12 de julho de 2008

Tirinha que 90% (ou mais) não entendem - Gato de Schrödinger


Tá com dúvida?
Não entendeu nada?
Não se preocupe...
Clique em Gato de Schrödinger para entender melhor.

Evolução dos Relacionamentos

Sem cometários...
Para quem está namorando... para quem esta no Orkut..ou como diz um amigo, de São Carlos, perdido em Angra dos Reis: "Orrrrrrrrrrrrrrrrrrrkut".


segunda-feira, 7 de julho de 2008

Carl Warner





Trabalho

Caminhada


Olá
uma das atividades físicas mais simples e práticas de se fazer é a caminhada.
Além de ajudar no controle de diabetes, colesterol, triglicerídeos..ajudar também com os problemas do coração, a caminhada também tem efeitos terapeuticos.
Já falei anteriormente dos hormanios que são liberados quando praticamos qualquer atividade física e, mesmo a caminhada sendo uma atividade leve, ela também libera hormônios que irão reduzir o estresse, por exemplo.
Mas antes de caminhar, aqui vão algumas dicas:
  • Escolha lugares agradáveis, como parques ou ruas calmas;
  • use tênis em bom estado. Tênis novos, geralmente lhe trarão calos. procure "amaciá-lo" antes, para evitar transtornos futuros;
  • Use roupas leves. Hoje existem diversos tecidos que facilitam a transpiração, evitando aquela camisa molhada de suor;
  • Beba água, sempre;
  • Não saia em jejum, coma uma fruta ou iogurte com farinha de linhaça, por exemplo, uns 15 ou 20 minutos antes de caminhar.
  • Consulte seu médico para avaliar sua condição física e orientar quanto ao tempo e intensidade do exercício.
Tenha uma boa caminhada!

domingo, 6 de julho de 2008

FLIP

Para quem ama ler, falar da FLIP é um prazer!
Simplesmente demais... a cada ano o evento se supera e este, provavelmente foi um dos melhores.
Gente bonita...
Clima inspirador...
Alegria...
Debates..teatros... recitais...

Até o próximo ano!

A Força da Terra e o Brasil

"No dia em que um quilo de picanha custar mais do que um MP4 ...."

Embora pareça um exagero, hoje já não é tão irreal uma afirmativa desta dimensão. Quando colocamos o século XXI em perspectiva, notamos o quanto a banalização dos bens tecnológicos - cada dia mais desvalorizados - rivaliza com a crescente valorização dos recursos naturais, escasseados pelo crescimento desordenado e irresponsável do planeta nos últimos 100 anos. Não está, de fato, distante o dia em que um quilo de picanha custará mais do que um MP4.

Neste novo cenário, os beneficiados serão naturalmente aqueles países que contarem com um alto potencial de recursos naturais; dentre os quais se encontra, no topo da lista, o Brasil. Até o final do século passado, acreditávamos que nossas reservas de petróleo e gás fossem modestas, e partíamos da falsa premissa de que somente o petróleo era um recurso natural de real valor. Hoje não há a menor dúvida de que, no futuro, mantendo-se as devidas proporções, a água terá tanto ou maior valor do que o petróleo.

Habituamo-nos a viver em um mundo no qual a tecnologia sempre foi erguida em um pedestal e onde os recursos naturais - entre eles o alimento - pareciam fonte inesgotável. Agora, nossa grande crise é a luta para assimilar, aceitar e viver uma nova realidade.

Atualmente, sabemos que países como China e Índia, apesar de terem conseguido um expressivo desenvolvimento econômico (graças ao domínio da tecnologia industrial), já enfrentam graves problemas com a falta de água, e que isto tende a se agravar - a Ásia, além de apresentar o assustador desnível de 35% dos recursos hídricos do planeta contra aproximadamente 60% da população, apresenta um grau de poluição dos seus rios e águas subterrâneas que permanece incontrolável.

A agricultura e a indústria consomem grandes quantidades de recursos hídricos. O conceito de água virtual - água gasta na produção de outros bens - nos mostra que cerca de 6 mil litros são necessários para que apenas um quilo de frango chegue à nossa mesa.

É neste ponto que as expectativas em relação ao Brasil disparam: com recursos hídricos em fartura e inúmeras fontes de energia (petróleo, gás, hidrelétrica etc), o país tem tudo para se transformar no maior exportador de alimentos do mundo. Com apenas 20% de suas terras aráveis plantadas, a situação brasileira é única no mundo. E as possibilidades não param por aí. Em território nacional, o nível de insolação é espetacular, podendo assegurar excelentes safras e, futuramente, a promissora energia solar.

Mauro Kahn é analista da geopolítica do petróleo e ambiental e diretor do Clube do Petróleo

O Globo OnLine