sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Nutricionistas não são deuses! E seguem dietas bem diferentes...

O que é uma alimentação saudável? Após lerem tantos artigos vocês já sabem a resposta de cor: é aquela equilibrada, variada e que forneça todos os nutrientes necessários ao pleno funcionamento do nosso organismo, mantendo-nos fortes e saudáveis.

Mas de que forma elaborar um plano alimentar que atenda a todas estas características? Uma maneira simples é seguindo um guia, como a pirâmide dos alimentos. Existem vários modelos de pirâmides, mesmo porque as pessoas têm estilos de vida e hábitos diferenciados.

Você acha que o nutricionista espera coisas impossíveis de você? Tem vergonha de comer na frente do seu amigo nutricionista? Acha que ele consegue fazer uma conta de cabeça e saber a quantidade de calorias, carboidratos, proteínas e outros nutrientes do seu prato? Quando você encontra um nutricionista no restaurante você vigia o que ele põe no prato?

Você não é o único. Muitas pessoas pensam que os nutricionistas são de uma espécie diferente, que só comem coisas verdes e que vão ficar loucos se o virem comendo um chocolate ou um hambúrguer. Mas a verdade é que são pessoas normais, e que comem alimentos comuns. Dependendo da família onde foram criados, de seus hábitos, influências e gostos, adoram doces, pizzas ou sanduíches tanto quanto qualquer outra pessoa.

Ou seja, também precisam prestar atenção em suas escolhas, praticam atividade física para controlar o peso e, muitas vezes, também recorrem a colegas nutricionistas para os auxiliarem com suas dietas.

Eu normalmente procuro deixar claro ao meus pacientes que sou "normal", que como bolo de chocolate também, que amo açaí, bebo refrigerante, mas não quer dizer que não me cuido. Da mesma forma que aconselho meus pacientes e amigos, ou as pessoas que vão ás palestras, procuro dizer sempre que pode-se tudo, mas sempre com...moderação.

Não é um pedaço de bolo que vai fazer você ganhar peso...mas o bolo inteiro.

Até mais!

Nenhum comentário: