sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Ganho de Peso está Relacionado com o Aumento do Risco de Câncer


Um estudo realizado avaliando diversos artigos científicos já publicados, verificou se há associação entre o excesso de peso corporal, medido pelo índice de massa corporal (IMC), e os diferentes tipos de cânceres.
Neste estudo, os pesquisadores observaram que, em homens, o aumento de 5 kg/m2 no IMC (que corresponde a um ganho de peso de cerca de 15 kg em indivíduos com IMC de 23 kg/m2) teve forte relação com adenocarcinoma esofágico, câncer da tiróide, cólon e renal.
De forma semelhante, mulheres com o acréscimo de 5 kg/m2 no IMC (que corresponde a um ganho de peso de cerca de 13 kg em indivíduos com IMC de 23 kg/m2) apresentaram maior chance de desenvolver câncer endometrial, de vesícula biliar, adenocarcinoma esofágico e renal.
O estudo procura buscar explicações que justifiquem os dados, entre eles os fatores hormonais, que sofrem modificações. Um dos hormônios que mais pode influenciar é a insulina.
Mas, mesmo sem ter dados que comprovem como o ganho de peso excessivo aumenta o risco de se desenvolver algum tipo de Câncer, os pesquisadores dizem:
É fundamental encontrar uma intervenção efetiva para a redução do IMC na população, para que esse risco também possa ser diminuído. Isto permitirá formular estratégias de saúde pública”, concluem.

Nenhum comentário: