sábado, 31 de julho de 2010

Overtraining

O excesso de exercícios é o inimigo número 1 de quem quer ganhar massa muscular. Ele é chamado de overtraining. Esta é uma designação de excesso no treinamento, por isso deparamos com atletas que sentem de alguma forma os resultados desse excesso.

O organismo do atleta apresenta uma grande estafa física e posteriormente mental. Na maior parte das vezes, este problema é devido, principalmente para atletas de ponta, pelo uso inadequado dos intervalos proposto pelo técnico, conseqüentemente deixando de haver uma sinergia entre a recuperação dos batimentos cardíacos e o inicio dos tiros.

Com a maioria dos corredores de rua, que formam a grande massa participativa o Ovetraining acontece pela inadequação dos programas de treinamento, as vezes indicado por um grande número de treinadores pessoais não acostumados com o que é treinamento de fundo, preocupados somente com valores materiais e conseqüentemente fazendo com que seu pupilos entrem na área perigosa do excesso de treinamento, devido a percursos montanhosos, planos, levemente acidentados, a mescla de resistência e velocidade, exercícios localizados - principalmente para os membros inferiores, não levando em conta períodos de recuperação, horas de sono, qualidade no alongamento, alimentação inadequada, estado psicológico, situação financeira.

Segundo médicos especialistas em medicina esportiva o excesso de treinamento fora do parâmetro de cada atleta provoca manifestações como já citadas de ordem física, psíquicas ou emocional.

Os principais sintomas são perda de apetite, peso, insônia, irritação, ansiedade, depressão, agressividade, pequenas lesões.

Nós técnicos devemos nos assessorar de médicos da medicina esportiva, para não incorrer em treinos que possam levar a uma condição física absurda e nociva. O técnico quando determina um treinamento para os seus atletas tem tanta responsabilidade como a de um médico ao prescrever um medicamento.

Várias formas de reconhecer um Overtraning. Primeiro lugar, o atleta começa a demonstrar um pouco de desânimo e falta de motivação com o treino, sente muita sonolência durante o dia, perde o prazer em ir correr, podem ocorrer lesões nesse período ocasionado pelo super treinamento. Em termos psicológicos, tende a ter um mau humor e irritabilidade por qualquer motivo, insônia e depressão poderão ocorrer também.

Abaixo você verá uma lista completa dos sintomas mais comuns:
  • Cansaço anormal
  • Irritabilidade
  • Falta de vontade de malhar
  • Perda de apetite
  • Perda de força
  • Contusões e resfriados freqüentes
  • Dores de cabeça
  • Sede anormal
  • Insônia
  • Tremor nas mãos
  • Depressão
  • Ansiedade
Esses são alguns sintomas ocasionados com overtraining e como evitá-los?
Não exagerar nos treinos, evitando ultrapassar suas capacidades físicas;
Aumentar sua carga de treinamento progressivamente;
Diminuir radicalmente seu treino na semana de competição;
Escolher um ou dois dias por semana dedicado para descanso;
Nunca treinar forte dois dias seguidos;
No período transitório do macrociclo de treinamento destinar de 15 a 30 dias de descanso total para uma total recuperação física e psicológica, antes de iniciar um novo ciclo de treinamento.
Se você vem malhando bastante e tem sentido algum destes sintomas listados acima é recomendado que você pare de treinar durante 2 semanas e procure ingerir alimentos de alto valor nutritivo. O uso de suplementos vitamínicos também é indicado, desde que você tenha a orientação de um profissional.

Nenhum comentário: