quinta-feira, 25 de junho de 2015

Dieta ou Mundança de Hábitos??

Se você deseja emagrecer, não sabe por onde começar e pretende partir para o "tudo ou nada", espere um pouco e reflita.

Será que vale a pena arriscar a sua saúde para ficar magro rapidamente? Pense bem, será que não é hora de adotar uma alimentação saudável?

O nosso corpo, quando entra em uma alta restrição alimentar, não entende o que está acontecendo.

Ele não sabe distinguir se a deficiência energética da alimentação é porque desejamos emagrecer ou se esperamos ficar mais saudáveis.

Imagine-se no deserto, onde há pouca comida, pouca água. O que acontecerá quando encontrar alimento e bebida? Você sentirá vontade de devorar o mundo e comer tudo que vê pela frente, não é verdade? Nada mais natural, já que o nosso organismo entende que devemos nos preparar para a próxima restrição, armazenando uma parte do que ingerimos, o que dificulta o emagrecimento.

O que isso significa? Que altas restrições alimentares não são boas para você, definitivamente não é alimentação saudável e não irá ajudá-lo a eliminar peso com saúde e muito menos o ajudará no período de manutenção.

Então, esqueça o "tudo ou nada" e siga as próximas dicas para que possa ter uma alimentação saudável e uma vida melhor.

1. Evite dietas milagrosas em que há uma grande eliminação de peso em um curto período de tempo.

2. Não faça uma alimentação baseada em um único tipo de alimento ou nutriente.

3. Mesmo tendo exagerado nos dias anteriores, faça, pelo menos, 5-6 refeições por dia.

4. Pequenos lanches entre as refeições principais irão evitar a vontade de devorar o primeiro prato que encontrar pela frente.

5. Não belisque entre as refeições.

6. Esqueça dos snacks (salgadinhos) e da bolacha recheada.

7. Deixe na gaveta do escritório barrinha de cereais, bolacha integral (ingira, no máximo, 3 unidades).

8. Frutas e iogurtes light são excelentes lanches.

9. Se tiver vontade de comer um doce, coma-o. Mas lembre-se: somente um pedaço ou unidade. Isso é melhor do que devorar uma caixa de bombom no final do dia.

10. Comece sempre a refeição com um caprichado prato de saladas.

11. Evite o uso de óleos para temperar as saladas. Use vinagre ou suco de limão.

12. Macarrão é permitido, mas cuidado com o molho.

13. Molho branco, quatro queijos, bolonhesa são muito mais calóricos quando comparados com o ao sugo. Portanto, não abuse!

14. Não repita a refeição.

15. Evite beber refrigerantes, mesmo os light ou diet.

16. Evite água gaseificada. Bebidas com gás dilatam o estômago dando uma falsa sensação de saciedade.

17. Bebidas isotônicas devem ser evitadas. São calóricas e, para não atletas, a água ainda é o melhor hidratante.

18. Prefira sucos naturais.

19. Utilize adoçante nos sucos e no cafezinho.

20. Beba, no máximo, 4 xícaras pequenas de café por dia.

21. Ingira bastante água durante o dia. No mínimo, 1,5 litro ou 8 copos.

22. Leve sempre uma barrinha de cereais na bolsa. Quando bater aquela vontade de comer alguma coisa, você já sabe a que recorrer.

23. Ingira legumes todos os dias.

24. Coma pelo menos 2 frutas diariamente.

25. Prefira ameixa, melancia, melão, morango que são menos calóricas.

26. Cuidado com as frutas secas. Por serem desidratadas é fácil ingerir mais calorias com as naturais.

27. Ingira carnes menos calóricas como peixe, frango (peito), peru, patinho, contrafilé.

28. Cuidado com o salmão. Ele apresenta mais calorias do que outros peixes.

29. Retire a pele das aves. Ela contém basicamente gordura.

30. Evite atum e sardinha conservados em óleo. Já existe a versão light.

31. Miúdos e vísceras são ricos em gorduras saturadas. Então, minimize o consumo desses alimentos.

32. Retire a gordura visível das carnes, como por exemplo, a da picanha.

33. Evite alimentos fritos. Dê preferência aos grelhados ou cozidos.

34. Embutidos (mortadela, presunto, salame) devem ser evitados.

35. Enlatados são ricos em sódio; por isso, prefira os alimentos naturais.

36. Manteiga, creme de leite, chantilly, massa podre são ricos em calorias e colesterol. Evite-os.

37. Queijos amarelos (mussarela, provolone, prato, parmesão) devem ser evitados.

38. Dê preferência aos queijos brancos como o de minas, frescal, ricota e cottage.

39. Evite as preparações gratinadas.

40. Dê preferência aos alimentos desnatados como leite e iogurtes.

41. Se não tem boa aceitação ao leite desnatado, fique com o semidesnatado.

42. Evite chocolates, inclusive o diet.

43. Ingira alimentos ricos em fibras como legumes, verduras e frutas.

44. Consuma maçã, pêra, uva com a casca.

45. Pizza prefira as menos calóricas como de escarola, rúcula, mussarela. Mas fique somente na primeira fatia.

46. Tomate seco, por ser conservado em óleo, deve ser evitado.

47. Bebidas alcoólicas são calóricas. Consuma esporadicamente e em pequena quantidade.

48. Uma taça de vinho diariamente faz bem para a saúde. Mas nada adiantará se não tem o hábito da boa alimentação e é sedentário.

49. Em barzinhos evite os petiscos como amendoim, batata frita, castanha de caju, carne seca ou salgadinhos.

50. Evite os fast-food. Os alimentos servidos são normalmente ricos em gorduras.

51. Se não tiver saída, prefira uma unidade de cheeseburguer, refrigerante light e batata frita pequena. Dispense a sobremesa.

52. Em restaurantes por quilo, passe primeiro por todas as opções antes de escolher os alimentos. Isso evitará exageros.

53. Para a sobremesa, prefira frutas da época.

54. Evite sorvetes de massa. Opte pelo picolé de fruta.

55. Em sorveteria por quilo, prefira os sorvetes de frutas. Passe reto pelas coberturas e chantilly.

56. Nunca vá ao supermercado com fome. Vá sempre após uma refeição. Isso evitará pegar balas, chocolates e salgadinhos.

57. Não compre alimentos que devem ser evitados.

58. Compare os rótulos dos alimentos e verifique se os light e diet são menos calóricos. Nem sempre isso é verdade.

59. Nunca acumule a fome. Por isso deixe na geladeira legumes picados (cenoura, pepino, salsão) e gelatina diet. Eles não prejudicarão o seu emagrecimento.

E, por fim, vale essa dica:


60. Movimente-se!! Você não precisa ir à academia! Caminhar 3 vezes por semana pelo bairro, por 40 minutos cada sessão, irá ajudá-lo a ter mais saúde!

segunda-feira, 15 de junho de 2015

Onze Alimentos que Ajudam a Deixar a Pele Mais Jovem

Olá amigos e amigas.
Hoje deixarei uma lista de 11 (onze) alimentos que vão ajudar a deixar a sua pele mais jovem.

GELATINA
Gelatina
Que tal trocar a sobremesa calórica por uma gelatina?
Ela é uma grande fonte de colágeno, substância responsável pela sustentação do tecido cutâneo, que evita o aparecimento das rugas.
Embora a gelatina seja um alimento rico em colágeno não é indicado seu consumo em excesso por ser rico em corantes e açúcar. O ideal é que a pessoa faça sua gelatina usando fruta natural e gelatina incolor.

CHOCOLATE MEIO AMARGO
Chocolate Meio Amargo
Deseja um bom motivo para comer chocolate?
Com moderação, todos os dias é possível (30g).
Rico em flavonoides, o chocolate meio amargo tem propriedades antioxidantes que auxiliam no combate ao envelhecimento da pele. É indicado o consumo do chocolate com 70% de cacau, pois ele tem um maior potencial antioxidante. Chocolates com menos cacau, como os ao leite, são ricos em gorduras e perdem suas propriedades. Além disso, o cacau evita a flacidez e o envelhecimento da pele.

FEIJÃO
Feijões
Pode continuar almoçando o prato favorito do brasileiro sem culpa. O feijão é rico em zinco, tendo relação com a manutenção da pele saudável, pois está ligado ao processo de cicatrização e à produção de colágeno.



ÁGUA
Água
A água ajuda o organismo a eliminar as impurezas, além de facilitar a evacuação e melhorar a circulação sanguínea. O resultado disso evita o aparecimento da celulite.
Além disso, quando a pele está hidratada, as rugas se tornam menos perceptíveis e a pele fica mais firme. Se não bastasse, ainda controla os níveis nutricionais sanguíneos e favorece a absorção dos nutrientes necessários ao equilíbrio celular, sendo uma fonte rica de beleza. E não para por aí, a água ainda é forte aliada dos cremes hidratantes, pois ambos trabalham juntos para deixar a pele mais bonita e saudável. Os cremes conseguem atingir a camada superficial da derme, enquanto a água é capaz de hidratar as camadas mais profundas da derme.

PIMENTÃO VERMELHO
Pimentão Vermelho
Os pimentões com essa coloração têm níveis altíssimos de antioxidantes.
Segundo pesquisas, pessoas que comem mais antioxidante proveniente da vitamina C (como o encontrado nos pimentões) têm a pele mais bonita. Inclua o pimentão vermelho na sua salada ou em lanches.



SALMÃO
Salmão
Este saboroso peixe é rico em ômega-3, que ajuda a combater o estresse e ainda colabora no bom humor. Nosso organismo pode produzir o ômega-3 por conta própria, no entanto, alguns alimentos como salmão, óleo de canola e ovos enriquecidos com ômega-3 podem ajudá-lo a irradiar mais alegria. E todos sabemos que uma vida mais leve é sinônimo de juventude e saúde.

COALHADA SECA
Coalhada Seca
Além de possuir muitas proteínas, a coalhada seca contém grande quantidade de aminoácidos, que são bons aliados na hora de combater as olheiras. Então já sabe que na hora da comida árabe a coalhada está liberada! A coalhada seca você faz retirando o soro restante na mesma com um pano de parto bem limpo.








MAMÃO E CENOURA


Esses dois alimentos são ricos em vitamina A, importante para a renovação celular e recuperação dos tecidos, ajudando a manter a pele viçosa e aveludada, além de ter também efeito anti acne. Quando consumidos adequadamente, uma ou duas por dia, ajudam na pigmentação e na cicatrização da pele.


MORANGO
Morango
As frutas vermelhas são ricas em antioxidantes e vitaminas C e E. Por isso combatem radicais livres e previnem o surgimento de rugas. Os morangos são as frutas vermelhas mais acessíveis aqui no Brasil, então pode consumir à vontade!



CASTANHA-DO-PARÁ

Castanha do Pará
A castanha-do-pará contém o selênio, cuja função antioxidante ajuda a prevenir o envelhecimento precoce da pele. Além de um saboroso aperitivo, ela ainda te ajuda a ficar jovem, basta consumir com moderação, pois é bastante calórica.