terça-feira, 21 de junho de 2016

AMENDOIM

Quem evita comer amendoim com medo de engordar e a certeza ganhar espinhas pode estar bem enganado. Isso porque, ao contrário dessa máxima, o fruto ajuda a emagrecer e não necessariamente gera acne, além de trazer benefícios ao coração. 

Os Amendoins são grãos deliciosos e crocantes que são consumidos e amado por muitas pessoas. Os Amendoins são geralmente torrados, feitos em salgados, cozidos ou consumidos crus. A manteiga de Amendoim é amplamente utilizado como um diferencial em sanduíches, barras energéticas e chocolates. O Amendoim é freqüentemente usados em vários lanches.

"O amendoim é rico em gordura monoinsaturada, que é boa e não engorda. Pelo contrário, quanto mais nos afastamos da gordura boa, mais ganhamos peso”, explica o especialista, Dr. Wilson Rondó Jr., médico ortomolecular, que assume os altos valores calóricos do fruto, mas descarta o problema com as calorias. “As pessoas confundem calorias com ganhar peso. Não é bem assim que funciona. Um alimento pode ser calórico e ajudar a emagrecer”.

Essa gordura boa existente nele aumenta as taxas metabólicas, o que significa que ele acelera o metabolismo e potencializa o emagrecimento. Além disso, ele melhora a sensibilidade da insulina, o que evita picos de glicemia e afasta o problema do acúmulo de gordura corporal. E tem mais: sua alta quantidade de fibras promove a saciedade, afastando assim a fome.

Benefícios

Mais do que não engordar, ele também previne doenças cardiovasculares porque reduz as taxas de triglicérides no sangue. Possui ainda nutrientes como magnésio, folato, vitamina E e cobre, que são indispensáveis para o bom funcionamento do coração.

Entre esses e outros benefícios, a concentração de proteínas no amendoim é semelhante à da soja.

Os Amendoins são um alimento de excelente fonte de energia. Fornecem 600 calorias para cada 100 gramas de sua ingestão. Contém alta quantidade de gorduras, principalmente poliinsaturados monoinsaturados. 

Ácido fólico ou folato
Essencial para a formação correta do sistema nervoso do feto.

Ácido graxo monoinsaturado
Conhecido como gordura do bem, contribui para diminuir a oxidação, aumentar a captação do colesterol ruim (LDL) pelo fígado e elevar as taxas do colesterol bom (HDL).

Mesmo com alto valor calórico, o amendoim não contém colesterol por ser de origem vegetal.

Contribui para a eliminação de peso. Mantém o nível de açúcar no sangue estável e ativa o metabolismo da queima de gordura. Além disso, converte os estoques de gordura corporal em energia.

Cálcio
Fortalece a estrutura óssea e previne osteoporose. Deve ser sempre consumido em conjunto com o magnésio.

Ferro
Fundamental na dieta das gestantes, pois ajuda no crescimento do feto e na formação do sistema nervoso do bebê, além de reduzir infecções comuns na gravidez. Também é extremamente importante ao longo da vida toda: é parte das células vermelhas e sua carência é diagnosticada como anemia.

Fibra alimentar
Gera saciedade e ajuda no emagrecimento.

Fósforo e Potássio
São aliados dos adeptos de atividade física: ajudam a afastar a fadiga e dar pique. O fósforo auxilia na formação dos ossos e é fundamental na constituição do rim. O potássio melhora a contração muscular.

Magnésio
Importante para circulação, fortalecimento dos músculos e cicatrizações. Essencial para o sistema nervoso. Ajuda a manter o estresse longe.

Ômega-3
Reduz moderadamente os níveis de triglicérides no sangue e a pressão arterial. Igual ao Omega-6, previne o envelhecimento por funcionar como renovador celular.

Ômega-6
Renovador celular, previne o envelhecimento precoce.

Selênio
Eficácia na redução do estresse celular, físico e emocional.

Vitamina E
Nutriente famoso pela ação antioxidante, ou seja, combate ao excesso de radicais livres e prevenção de tumores. Aumenta a resistência dos músculos ao reduzir dores, e preserva o sistema imunológico.

Vitaminas do Complexo B
Essenciais ao sistema nervoso. Auxiliam na digestão e afastam o mau-humor por ajudar na formação de neurotransmissores como a serotonina – sinônimo de bem-estar.

Outros benefícios
  • Protege os vasos sanguíneos.
  • Tem ação anti-inflamatória.
  • Previne o envelhecimento precoce.
  • Combate o enfraquecimento de unhas e cabelos.
  • Regula a oleosidade da pele.
  • Afasta dermatites e seborreia.

Prevenção do Câncer

Os Amendoins ajudam a restringir o metabolismo das células cancerosas. 
Ele contém uma grande quantidade de antioxidantes tais como o ácido oleico que inibem o crescimento de tumores. Ele também tem altas concentrações de antioxidantes polifenólico que impede o câncer de estômago, pois restringe através da inibição do desenvolvimento de nitrosaminas no estômago. 
O Amendoim também contém ácido fólico, fitosteróis, ácido fítico e resveratrol, que têm propriedades anticancerosas.

Melhora a Memória

O Amendoim contém bioflavonóides, que ajudam a melhorar o fluxo de sangue no cérebro.
Ele é rico em Niacina que auxilia no desencadeamento da memória e no aumento das atividades cerebrais. 
A vitamina B2 presente no Amendoim mostrou-se ser eficaz em manter as funções cognitivas e diminui o aparecimento de doenças tais como a doença de Alzheimer. Além disso, O Sistema Nervoso permanece ativo pela presença de resveratrol que ajuda na redução de doenças nervosas degenerativas. 
A Riboflavina, Tiamina, Ácido Pantotênico, Vitamina B6, e folatos presente no amendoim aumentam o fluxo de sangue para o cérebro e desempenham um papel fundamental na melhoria da sua saúde.

Emagrecimento

Os Amendoins são ricos em calorias e gorduras, porém eles são um aliado no processo de emagrecimento. Pois eles contém ácidos graxos monoinsaturados (saudáveis) que ajudam na redução da gordura da barriga. Bem como, suprime a fome e acelerar o metabolismo.

E as espinhas (acnes)?

Não são todos que vão desenvolver acnes após consumir o alimento. 
Se a pessoa tem mais sensibilidade alérgica, pode ser que surja mesmo. Mas isso se dá a essa condição especial, não é todo mundo que vai ter espinha. Por ter ácidos graxos essenciais pode aumentar a oleosidade da pele, mas o amendoim sempre acaba pagando o pato e muitas vezes injustamente. Se a pessoa come vários outros alimentos industrializados ou que causem intoxicação das células, não tem como saber se a culpa é mesmo dele.

Como consumir

Existem vários tipos de amendoins no mercado, mas os benéficos são sempre os mais naturais, sem adição de açúcar, sal ou daquelas bolinhas brancas que envolvem o fruto.

O ideal e consumir até 30g por dia, o exagero pode causar ganho de peso e problemas de saúde, principalmente porque ele pode conter aflotoxina, substância tóxica e cancerígena.

Nenhum comentário: